PRIORIDADES NA VIDA – RAV EFRAIM BIRBOJM

343_historia_2_1Sucót e Shemini Atseret são épocas nas quais devemos ter claridade sobre o que temos na vida, e refletir se estamos cuidando da maneira correta da nossa joia mais preciosa: nossas famílias.


Karen era uma jovem rica que tinha tudo: um marido maravilhoso, filhos perfeitos e um emprego que lhe pagava bem. Porém, ela não conseguia conciliar tudo na vida. O trabalho e os afazeres lhe ocupavam todo o tempo, deixando sempre um vazio na área familiar. Se o trabalho lhe consumia muito tempo, ela deixava os filhos de lado. Se surgiam problemas com os filhos, ela deixava de lado o marido. E, assim, as pessoas que ela amava eram sempre deixadas para depois. Certo dia, seu pai, um homem muito sábio, lhe deu um presente: uma flor extremamente rara e cara, da qual havia poucos exemplares em todo o mundo. O pai disse a Karen:

- Querida, esta flor vai te ajudar muito mais do que você imagina. Você terá apenas que regá-la algumas vezes, podá-la entre as estações e, às vezes, conversar um pouco com ela. Em troca ela lhe dará este perfume maravilhoso e estas lindas flores de beleza sem igual.

Karen ficou emocionada, pois a flor tinha uma beleza única e rara. Karen cuidava com carinho da flor e a regava diariamente. Mas o tempo foi passando, os problemas foram surgindo, o trabalho foi consumindo o seu tempo e a sua vida confusa não lhe permitia mais cuidar da flor. Ela chegava em casa e olhava a flor. As flores ainda estavam lá, não mostravam nenhum sinal de fraqueza, apenas estavam lá, lindas e perfumadas. Então ela passava direto e ia cuidar de outras coisas. Até que um dia Karen chegou em casa e levou um imenso susto. A flor estava completamente seca, as raízes ressecadas, as flores caídas e as folhas amarelas. Colocou água e esperou alguns dias, mas nada mudou. Já era tarde demais, a flor havia morrido. Karen chorou muito pela terrível perda. Ela ligou ao pai, contando o que havia acontecido e pedindo para que ele lhe desse outra flor daquelas, pois já havia se acostumado com sua beleza e com aquele perfume maravilhoso, não queria perde-la. Então o pai respondeu carinhosamente:

- Eu já imaginava que isso aconteceria, mas não posso lhe dar outra flor, porque já não existe outra igual a esta. Ela era única. E esta é a lição que eu sabia que esta flor iria te ensinar. Seus filhos, seu marido e sua família também são únicos. Todos são bênçãos que D’us colocou na sua vida, mas você tem que aprender a regá-los, a podá-los e a dar atenção a eles, pois assim como a flor que não é cuidada morre, os sentimentos não cuidados também morrem. Você se acostumou a ver a flor sempre lá, sempre florida, sempre perfumada, e se esqueceu de cuidar dela. Assim também acontece com nossas famílias. Às vezes deixamos as pessoas mais importantes de lado, sem perceber que, aos poucos elas estão indo embora de nossas vidas.

Sucót e Shemini Atseret são épocas nas quais devemos ter claridade sobre o que temos na vida, e refletir se estamos cuidando da maneira correta da nossa joia mais preciosa: nossas famílias.


RAV EFRAIM BIRBOJM – Mestre em Engenharia pela Escola Politécnica da USP, começou seu processo de Teshuvá (retorno ao judaísmo) aos 25 anos, através da Instituição “Binyan Olam”. Saiba mais.

efraimbirbojm@gmail.com