MARCOS ARBAITMAN – UM DOS 100 MAIS PODEROSOS DO TURISMO – POR GLORINHA COHEN

344_first_5_1Não causou surpresa o nome de Marcos Arbaitman constar na nona edição 2019 da lista PANROTAS dos 100 + Poderosos do Turismo, que reconhece e homenageia os profissionais mais influentes da área, pois, para um homem que tem como lema “nada resiste ao trabalho”, o céu é o limite.

E isto no ano em que a Maringá Turismo, que faz parte do Grupo Arbaitman (engloba também a Central de Eventos e a Lemontech), do qual ele é presidente, está completando 55 anos de uma história bem sucedida, é hoje uma das principais do Brasil no segmento corporativo com atuação em outros países da América do Norte, América Latina e Europa, e espera crescer 18% ainda este ano com um faturamento previsto de R$ 1,26 bilhão. Tal fato se deve, segundo Marcos, principalmente ao atendimento e aprimoramento dos serviços, mantendo um pessoal 24 horas por dia, sete dias por semana trabalhando para atender qualquer emergência e oferecendo um atendimento personalizado no aeroporto.

E quem conhece Marcos Arbaitman, que também é Bacharel em Direito pela Universidade Mackenzie, sabe que ele não brinca em serviço. Haja vista sua vida marcada por sucessos nas mais diversas áreas, ocupando cargos importantes como o de Secretário Estadual de Esportes e Turismo nos governos de Mario Covas e Geraldo Alckmin e de presidente de diversas entidades, com a União Mundial Macabi com sede em Jerusalém, Israel . a Associação de Bairros Ame Jardins, a Associação de Patronos do Theatro Municipal de São Paulo, a FUNCEB – Fundação Cultural Exército Brasileiro, a ACESC – Associação de Clubes Esportivos e Sócio Culturais de São Paulo, o Centro Israelita de Assistência ao Menor (CIAM) e a Associação Brasileira “A Hebraica” de São Paulo, tornando indelével a marca do seu trabalho nas três vezes que a presidiu. Até hoje suas gestões são recordadas com carinho e admiração pelo seu modo ímpar de tratar os companheiros de trabalho voluntário e são sinônimos de incontestável sucesso. Como bem já disse o ex-governador Geraldo Alckmin sobre ele: “Um grande homem é o que faz os outros se sentirem grandes ao seu lado. Marcos Arbaitman faz os outros se sentirem grandes“.

“Tempo é tudo que temos e enquanto você estiver vivo não pode dizer que não tem tempo. Você pode fazer dele o que bem entenda. Portanto, essa história de dizer “não tenho tempo”, não funciona para aqueles que almejam um mundo melhor”.

Atualmente Marcos Arbaitman é Conselheiro da ADVB – Associação dos Dirigentes de Vendas e Marketing do Brasil, Membro do Conselho da AMEM – Associação dos Amigos do Menor pelo Esporte Maior, do Conselho Internacional The Metropolitan Opera House – New York, do Conselho Internacional da Fundação do Teatro Real de Espanha – Madrid, do Conselho Internacional do Museu de Israel – Jerusalém e do MAM – Museu de Arte Moderna e foi Membro do Conselho da Fundação Bienal de São Paulo, Dentre os inúmeros prêmios que ganhou, estão o de Personalidade Nacional de Vendas 2015 e Líder Empresarial Nacional de Responsabilidade Social 2006, ambos pela ADVB– Associação dos Dirigentes de Vendas e Marketing do Brasil.

Mas, de onde vem tanta energia que chega a fazer inveja e esta magia que ele tem de perpetuar amigos ao longo da vida? Talvez o segredo esteja no fato de ele, que cativa pelo refinamento de gosto e de atitudes, estar sempre bem humorado e de conservar aquele seu modo simples de tratar as pessoas da mesma forma, independente de quem sejam, estando sempre pronto a ouvi-las, o que, indubitavelmente, também o torna um dos maiores líderes da comunidade judaica brasileira.

Disto sou prova, pois tive o privilégio de participar, como diretora, de suas três gestões como Presidente da A Hebraica de São Paulo e com ele aprendi muitas das coisas que norteiam minha vida. E quando, em meio ao turbilhão de tudo que faço, me pego dizendo “não tenho tempo”, lembro de pronto de suas palavras: “Tempo é tudo que temos e enquanto você estiver vivo não pode dizer que não tem tempo. Você pode fazer dele o que bem entenda. Portanto, essa história de dizer “não tenho tempo”, não funciona para aqueles que almejam um mundo melhor”.

E ninguém pode negar: com seu trabalho e seu modo se ser, Marcos Arbaitman torna, sim, esse nosso mundo melhor e é merecedor, mais que ninguém, deste novo prêmio que agora recebe.